sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Estilhaça-me por Tahereh Mafi

ESTILHAÇA-ME
de Tahereh Mafi
304 páginas            Editora Novo Conceito
___________________________________________________
Juliette não toca alguém a exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez, que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette é mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser um guerreiro.

O que esperar de uma leitura onde a protagonista é alguém que tem o poder dom de causar dor ás pessoas com o simples toque? Provavelmente, só as melhores coisas. Juliette é assim, ela é muito forte ao mesmo tempo que também é sensível, frágil. A narrativa deste livro é todo feito por ela, em primeira pessoa e no presente. No início da história é difícil se apegar ao modo com que ela nos conta sua vida, pois tudo em que ela tem a chance de usar metáforas para se expressar, ela vai usar. Sorte nossa é que este modo próprio de se expressar da garota não passa das primeiras páginas. Outro quesito de narrativa do livro que chamou a atenção é o uso de riscos, o que só passa a impressão de realidade. Por que não posso usar também?

Estilhaça-me é uma distopia criada com poucos personagens, mas com uma boa trama - Juliette está presa já á muito tempo e não troca um toque com alguém á 264 dias. Agora ela está presa com Adam, um garoto cujas personalidades chamam o romance a atenção da nossa protagonista. Mas como um romance entre eles seria possível sendo que um toque seria letal? Adam é imune ao toque de Juliette, simples e bem entendido, porém me pareceu muito conveniente que seria logo o amor de sua vida quem a garota poderia dar ás mãos. Sorte nossa de novo: a autora consegue se aproveitar desta imunidade de Adam para criar um romance bem real e forte, cheio de desejo e reciprocidade.

Assim como muitos outros livros de sucesso, a história desta obra também envolve um forte regime militar. O Restabelecimento tem planos guardados para Juliette e é o responsável por ela estar presa. Este regime é comando por Warner, um ser cruel e paranoico que faz de tudo para ter seus objetivos concluídos - que seriam nada mais do que usar Juliette e seu dom como uma forte arma. Porém, o que não ficou muito entendido é o porque de haver pessoas que não são cruéis neste regime, mas não se opõem ao Warner. Digo, entretando, que fiquei bem feliz com a caracterização de vilão que Tahereh Mafi trás para a trama.

Como disse logo acima, Estilhaça-me envolve poucos personagens - entre eles estão Juliette, Adam, Warner, Kenji e James. Com eles, a autora consegue formar uma história boa e que se passa muito rápido. O desfecho não me deixou contente foi realmente da maneira que eu esperava, porém a obra continua sendo boa. Este é o primeiro volume de uma trilogia, portanto estarei a procura dos outros o quanto antes.


6 comentários:

  1. ah, eu curti bastante essa distopia, só falto ler o conto sobre Warner [meu best <3] hehe
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é boa mesmo, Maria.
      Estou ansioso para ler a continuação!
      Você já leu? :)

      Abraços!
      Vini

      Excluir
  2. Amei o livro, gostaria muito de lê-lo, o trama é bem envolvente e dá vontade de pegar o livro e sair lendo... kkk

    ResponderExcluir
  3. ;) curti muito livro, ótima descrição dele, Parabéns ao blogueiro que tem um ótimo diálogo. :D
    Sucesso no blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! E muito obrigado também
      ;)

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :I :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

Pode comentar a vontade! Diga se gostou da postagem,
se ela te trouxe alguma inspiração ou coisa parecida!
Sempre irei responder os seus comentários!
O Um Jovem Leitor agradece.
Abraço a todos!
Vini.